Pesquisar este blog

sábado, 29 de janeiro de 2011

O que tem dirigido a sua vida?

Neste mundo, todos nós, querendo ou não, somos sempre dirigidos por alguma coisa, seja na área espiritual, emocional, física ou material. Algumas pessoas podem estar sendo guiadas pela pressão. Outras, por lembranças dolorosas; e há aquelas que são dirigidas por valores e crenças que internalizaram desde a infância.
Existem centenas de circunstâncias que podem definir a nossa vida. Segundo alguns estudiosos do comportamento humano, há quatro atitudes que são as mais comuns a todas as pessoas: a raiva, o medo, o materialismo e a aprovação. Neste artigo, trataremos das duas primeiras.
As pessoas dirigidas pela raiva vivem apegadas às magoas, sem jamais superá-las. Em vez de aliviarem a dor por meio do perdão, estão continuamente revivendo o fato doloroso em sua mente. Aqueles que são guiados pela raiva "fecham-se" e interiorizam esse sentimento. Resultado: acabam se autodestruindo nas áreas espiritual, emocional e física.

Saiba que a raiva, quando não é canalizada para uma ação benéfica, sempre machucará mais a você do que a pessoa que lhe trouxe tal indignação. Para sua própria saúde espiritual, emocional e física, aprenda a lidar de modo saudável com a raiva. Busque em

Deus o perdão para si mesmo e para o seu próximo pelos erros cometidos no passado. Não deixe o sol se pôr sobre a sua ira. Resolva sempre a questão da melhor maneira possível, praticando o bem. O apóstolo Paulo disse: Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem (Romanos 12.21).
Nossos medos são geralmente resultado de experiências traumáticas; expectativas ilusórias; do crescimento em um lar extremamente severo ou mesmo de predisposição genética. Independente do que tenha causado tal situação, as pessoas dirigidas pelo medo perdem com freqüência grandes oportunidades em sua vida. E assim, infelizmente não têm experiências com o Senhor, deixam de amadurecer, de crescer espiritualmente, porque limitam a sua vida de fé.
Em 1 João 5.4, é dito: Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. Em Hebreus 11.6, vemos que: De fato, sem fé é impossível agradar a Deus (ARA).
Você tem que desenvolver uma vida diária de fé para que atinja os seus projetos, os seus sonhos, e alcance o seu foco. Existem diversas pessoas que limitam o seu potencial em todas as áreas da vida, porque são dominadas pelo medo — sentimento que paralisa o ser humano. Outras estão perdendo ou jogando fora as melhores oportunidades de sua vida, simplesmente porque o medo as impede de correr riscos.
No amor não há medo; o amor que é totalmente verdadeiro afasta o medo. Portanto, aquele que sente medo não tem no seu coração o amor totalmente verdadeiro, porque o medo mostra que existe castigo. Nós o amamos [e por isso confiamos em Deus] porque ele nos amou primeiro (1 João 4.18,19 - Nova Tradução da Linguagem de Hoje).
Ao terminar de ler este artigo, faça uma análise de sua vida espiritual, física e material e depois responda: estou sendo dirigido, guiado, pela raiva e pelo medo?
Um abraço! Deus o abençoe!

Fonte: Extraído da Revista Fiel número 30



Postar um comentário